Indo além do banco de imagens

Padrão

Muitas vezes o designer precisa criar uma ilustração, um ícone ou algum outro tipo de comunicação gráfica. A questão é que nem todo designer é ilustrador e freqüentemente recorrem a stock images. Stock (de estoque mesmo) são imagens genéricas. Antigamente as chamávamos de imagens de arquivo. A idéia é pagar pelo direito de reprodução ou licenciamento daquela imagem mas não por sua exclusividade. Os preços costumam ser baixos mas por outro lado são imagens que encontramos em qualquer lugar, sem nenhuma personalização.

Uma saída é recorrer aos bancos de imagem gratuitos ou licenças Creative Commons, mas o problema do “lugar comum” é ainda mais evidente.

Talvez uma boa dica para este problema seja usar como ponto de partida uma imagem gratuita, como as encontradas na Wikicommons, e transformá-la em uma ilustração criativa.

Neste post vamos fazer um passo a passo de um exemplo deste processo, usando apenas ferramentas gratuitas.

Passo 1: escolher uma boa imagem.

Fonte: http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cat_walking_DSC08739.jpg

Fonte: http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cat_walking_DSC08739.jpg

A imagem precisa ser expressiva e o mais limpa possível, com pouco fundo e com um bom tamanho, para facilitar a vetorização. Certifique-se que a licença da imagem permite o uso derivado, ou seja, que você transforme a imagem original em outra. A oferta é grande e respeitar o trabalho dos outros significa ter o seu respeitado também.

Site: Wikicommons – http://commons.wikimedia.org/

Passo 2: vetorizar

autotrace

Site: autotrace http://www.roitsystems.com/cgi-bin/autotrace/tracer.pl

Passo 3: editar

inkscape01

Começamos abrindo o arquivo .svg gerado pelo trace no Inkscape.

 

inkscape02

Dependendo do fundo escolhido, é necessário limpar a imagem.

inkscape03

Limpeza da imagem (close).

inkscape04

Unindo alguns objetos para facilitar a sua manipulação.

inkscape05

Operação booleana: achei que os olhos ficariam bons se vazados no objeto maior.

inkscape06

Novamente operação de união, mas desta vez para transformar o gato em uma grande massa preta.

inkscape07

A ferramenta “simplify” do Inkscape é talvez uma das melhores que possui. Com apenas um clique a figura suaviza e diminui consideravelmente informações desnecessárias.

inkscape08

Com a ferramenta de edição de nós, terminamos pequenos ajustes nos pontos e curvas da figura.

inkscape09

A figura agora está pronta, em um objeto vetorial, que você pode manipular facilmente e colocar em qualquer tamanho sem perda de qualidade.

inkscape10

Adicionar texto pode produzir um impacto interessante.

 

Agora é a hora de ser criativo. É sempre uma boa primeiro observar se o seu layout precisa de algum tamanho específico. Começar o trabalho de edição já na proporção necessária adianta muito tempo e poupa dor de cabeça depois.

Programa: Inkscape – http://www.inkscape.org/

Lembre-se sempre de dar crédito da imagem original. O bom do Inkscape é que ele já exporta a png com fundo transparente.

gato

ilustração baseada em fotografia de Mai-Linh Doan

O crédito não diminui em nada o seu trabalho, muito pelo contrário: mostra a todos que você é profissional, criativo e ético.

Viu como é simples gerar imagens personalizadas, que garantam um diferencial para você ou seu cliente? Então, o que está esperando? Não esqueça de colocar um link para o trabalho criado aqui nos comentários!

 

 

 

w_cartaleitorEsse artigo recebeu uma simpática carta do leitor na edição seguinte.